Conselho da Petrobras não prevê discutir uso de reservas da União para compra de ações

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015 09:20 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras informou nesta quinta-feira que não está prevista na agenda da próxima reunião do Conselho de Administração discussão sobre eventual utilização de parte das reservas internacionais da União para comprar ações da estatal com vistas a fortalecê-a.

A companhia se pronunciou após questionamento da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) sobre notícia relativa ao tema publicada na véspera.

A Petrobras disse ainda que consta da agenda da reunião discussão sobre a contratação da empresa de auditoria para exercícios de 2015 e 2016.