March 2, 2015 / 10:54 AM / in 2 years

Crescimento da indústria da zona do euro fica estável em fevereiro, mostra PMI

2 Min, DE LEITURA

BANGALORE (Reuters) - O crescimento da indústria da zona do euro manteve-se estável em fevereiro, na máxima de seis meses atingida em janeiro, sustentada pelo euro mais fraco que impulsionou as encomendas para exportação e um ritmo mais rápido de contratações, mostrou nesta segunda-feira a Pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês).

Mas o PMI ainda indica um ritmo apenas modesto de crescimento nas fábricas da região.

"O setor industrial da zona do euro quase não se expandiu em fevereiro, destacando o mal-estar que ainda pesa sobre a economia produtora de bens como um todo da região", disse o economista-chefe do Markit, Chris Williams.

"Entretanto, abaixo do dado decepcionante, partes diferentes da economia industrial estão claramente andando a velocidades diferentes, variando de um boom (irlandês) a uma queda (francesa)."

O PMI de indústria manteve-se em 51,0 em fevereiro, pouco abaixo da preliminar de 51,1 e acima da marca de 50 que separa crescimento de contração.

O índice de produção também não mostrou alteração, permanecendo em 52,1 em fevereiro na comparação com o mês anterior.

Mas as novas encomendas para exportação subiram no ritmo mais rápido desde julho do ano passado, sugerindo que a moeda enfraquecida está ajudando a melhorar a demanda do exterior. Isso pode ter ajudado as empresas a contratar no ritmo mais rápido desde abril.

Reportagem de Rahul Karunakar

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below