Exportação de grãos da Rússia despenca em fevereiro com novo imposto sobre trigo

sexta-feira, 6 de março de 2015 15:01 BRT
 

MOSCOU (Reuters) - As exportações de grãos da Rússia em fevereiro, incluindo farinha e leguminosas, caíram para 1 milhão de toneladas, ante 2,2 milhões em janeiro, após a introdução de um novo imposto sobre exportações de trigo, disse a consultoria SovEcon nesta sexta-feira.

A tarifa, imposta a partir de 1º de fevereiro, é parte dos esforços do governo para conter as exportações, que foram impulsionadas pela desvalorização do rublo.

A tarifa é de 15 por cento sobre os preços de alfândega mais 7,50 euros, mas nunca menos de 35 euros, por tonelada.

As exportações de trigo caíram para 350 mil a 370 mil toneladas em fevereiro, ante 2 milhões em janeiro, disse a SovEcon.

A consultoria projeta que pequenas ofertas de trigo devam continuar a ocorrer, uma vez que operadores têm que cumprir contratos fechados anteriormente.

As exportações de cevada subiram fortemente em fevereiro, para 370 mil toneladas, enquanto os embarques de milho totalizaram entre 200 mil e 220 mil toneladas, disse a SovEcon.

(Por Polina Devitt)