March 9, 2015 / 12:17 PM / in 2 years

Lucro líquido da Light quadruplica no 4º trimestre

3 Min, DE LEITURA

SÃO PAULO (Reuters) - O lucro líquido da empresa de energia Light quadruplicou no quarto trimestre sobre o mesmo período do ano anterior, totalizando 520 milhões de reais, informou a companhia na noite de sexta-feira, impulsionado por ganhos regulatórios.

A receita líquida da Light saltou 75,7 por cento, a 2,99 bilhões de reais na mesma base de comparação, desconsiderando a receita de construção. O resultado veio com reconhecimento do saldo de mecanismo de compensação de variações de custos não gerenciáveis, conhecido como CVA, na receita líquida da distribuidora do grupo.

A CVA (Conta de Compensação de Variação de Valores de Itens da Parcela A) é um mecanismo de compensação das variações de valores de itens dos custos não gerenciáveis entre reajustes tarifários anuais das distribuidoras.

O saldo da CVA, no montante de 1,020 bilhão de reais, passou a ser registrado na receita líquida a partir de dezembro de 2014.

Desconsiderando a receita de construção e a contabilização do saldo da CVA, a receita líquida da empresa seria de 1.969 bilhão de reais no quarto trimestre, aumento de 15,7 por cento em relação ao mesmo período de um ano antes.

Também contribuiu para o lucro maior no trimestre o ganho de equivalência patrimonial com a diluição da participação da geradora da Light no capital da Renova Energia.

Segundo a companhia, se não forem considerados o saldo da CVA e ganho da equivalência patrimonial, o lucro teria sido de 45,1 milhões de reais no quarto trimestre, 56,8 por cento menor que o lucro ajustado do quarto trimestre de 2013.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) da empresa cresceu 173,3 por cento na mesma base de comparação, para 934 milhões de reais.

O consumo total de energia subiu 2,5 por cento no trimestre, alcançando 6.694 GWh, influenciado pelo crescimento de 4,9 por cento no segmento residencial e 6 por cento no comercial. O resultado ajudou a compensar queda de 7,9 por cento do consumo industrial por conta de uma retração das indústrias eletrointensivas.

A Light encerrou dezembro com dívida líquida de 6,077 bilhões de reais, 51 por cento acima do endividamento de um ano antes e 9,6 por cento mais que o saldo em setembro de 2014.

A relação dívida líquida/Ebitda ficou em 3,70 vezes ante 2,84 vezes no final de 2013 e 3,39 vezes ao final do terceiro trimestre do ano passado. O limite da alavancagem da empresa medida por dívida líquida sobre Ebitda é de 3,75 vezes, informou a Light no balanço.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below