Galp corta plano de investimento até 2019 em 20% por preço do petróleo

terça-feira, 10 de março de 2015 07:25 BRT
 

LISBOA (Reuters) - A Galp Energia reviu para baixo seu plano de investimento até 2019 em 20 por cento, para uma média anual entre 1,2 bilhão e 1,4 bilhão de euros, no contexto adverso de queda dos preços do petróleo, que levou a empresa a reduzir as estimativas para o crescimento de seu lucro operacional e metas de produção.

"Uma redução do plano de investimentos em 1,5 bilhão de euros no período 2015-2019... ajustando a fila de projetos de desenvolvimento e com uma melhoria da eficiência operacional," disse a empresa.

Para 2015, o investimento é estimado em 1,3 bilhão a 1,5 bilhão de euros, acrescentou, ante um investimento de 1,143 bilhão de euros no ano passado.

A Galp prevê que o lucro antes juros, impostos, depreciações e amortizações (Ebitda, na sigla em inglês) crescerá a uma taxa média anual de 20 por cento até 2019 com os novos patamares dos preços do petróleo.

A nova estimativa se compara a uma projeção anterior de taxa média anual de crescimento de 25 por cento entre 2014 e 2018.

A companhia afirmou que o Ebitda deve ficar entre 1,1 bilhão e 1,3 bilhão de euros em 2015, ante 1,341 bilhão de euros em 2014, "com a integração fornecendo uma almofada aos preços baixo do petróleo".

O preço do barril de petróleo tipo Brent em Londres despencou nos últimos meses, negociando a 57,85 dólares às 7h22 desta terça-feira, contra 115 dólares em junho de 2014.

A Galp prevê que o preço médio do Brent ficará em 55 dólares em 2015, subindo depois em cerca de 5 dólares por ano para chegar ao 80 dólares por barril em 2019.

(Por Shrikesh Laxmidas)