Copom tira da ata expressão prevendo início de longo período de declínio da inflação neste ano

quinta-feira, 12 de março de 2015 09:18 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O Banco Central afirmou que as projeções de inflação para 2016 diminuíram, mas ainda encontram-se acima da meta de 4,5 por cento, ao mesmo tempo em que piorou as estimativas para 2015, com revisão para cima das previsão para os preços administrados, incluindo de energia elétrica.

Em ata do Comitê de Política Monetária (Copom) divulgada nesta quinta-feira, o BC destacou que a inflação tende a permanecer elevada em 2015, retirando do texto a avaliação de que os preços entrariam em "longo período de declínio" ainda este ano.

Na semana passada, o BC manteve o ritmo de aperto monetário, elevando a taxa básica de juros em 0,50 ponto percentual, para 12,75 por cento ao ano, num cenário marcado por inflação alta e resistente.

(Por Luciana Otoni e Marcela Ayres, em Brasília, e Camila Moreira, em São Paulo)