ArcelorMittal não espera novos corte de capacidade na Europa

segunda-feira, 16 de março de 2015 12:37 BRT
 

COLÔNIA, Alemanha (Reuters) - O grupo siderúrgico ArcelorMittal afirmou que não planeja novos cortes de capacidade na Europa, mesmo que importações baratas pressionem ainda mais os preços de aço este ano.

"Absolutamente não", disse o presidente das operações alemãs da ArcelorMittal, Frank Schultz, à Reuters nesta segunda-feira, quando perguntado se novos cortes de capacidade estavam sendo planejados na Europa. "Fizemos nossa lição de casa. Ajustamos nossa capacidade."

A ArcelorMittal fechou usinas na Bélgica e paralisou outras na Alemanha e França depois da crise financeira de 2008, e desde então a demanda por aço ainda não se recuperou totalmente.

A capacidade de produção pode ainda exceder a demanda na Europa em até 30 por cento, afirmou a ArcelorMittal em relatório anual de 2014.

A companhia, maior produtora de aço do mundo, afirmou que 19 de seus 25 alto-fornos na Europa estão atualmente em operação e Schultz afirmou que não há planos de desacelerar ou suspender atividade de qualquer um deles, com exceção para possíveis reparos.

A demanda por aço deve subir quase 2 por cento na Europa este ano, com início de recuperação nos setores de veículos e construção civil.