Latam Airlines prevê economia de US$1 bi com menor custo de combustível

quarta-feira, 18 de março de 2015 16:12 BRT
 

SANTIAGO (Reuters) - A Latam Airlines, maior companhia aérea da América Latina, espera economizar mais de 1 bilhão de dólares em 2015 com os menores custos de combustível, resultando em melhores margens, disse uma executiva da companhia nesta quarta-feira.

A companhia aérea, formada em 2012 com a união da chilena LAN e com a brasileira TAM, teve lucro líquido de 98,3 milhões de dólares no quarto trimestre, em comparação com um prejuízo líquido de 46,1 milhões sofrido um ano antes.

"Consumimos cerca de 30 milhões de barris de combustível por ano, por isso, se olharmos para os preços correntes de 65 dólares do combustível de aviação, é basicamente uma economia de 48 dólares por barril na comparação com o ano passado", disse Gisela Escobar, chefe de relações com investidores da Latam Airlines, em teleconferência.

O programa de eficiência de frota da Latam Airlines e os efeitos cambiais vão ajudar a melhorar as margens devido a "uma estrutura de custos mais eficiente", acrescentou Escobar.

A empresa espera uma perda com sua posição atual de hedge de cerca de 215 milhões dólares.

"Mesmo com 215 milhões de dólares (de perdas), ainda estamos à espera de mais de 1 bilhão de dólares em economia de combustível para o ano todo", disse Escobar.

A Latam Airlines espera melhorar a rentabilidade e prevê margens operacionais para o ano de 2015 na faixa de 6 a 8 por cento.

O crescimento da oferta de assentos da empresa deverá ficar entre 2 e 4 por cento em 2015.