Galvão Engenharia e Galvão Participações entram com pedido de recuperação judicial

quarta-feira, 25 de março de 2015 21:24 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Galvão Engenharia entrou nesta quarta-feira com pedido de recuperação judicial na Justiça do Rio de Janeiro, após ter sua situação agravada por inadimplência da Petrobras e efeitos da retração do mercado de crédito para infraestrutura devido à Operação Lava Jato.

"O pedido de recuperação judicial decorre da atual condição financeira da Galvão Engenharia e suas consequências na Galvão Participações, situação esta agravada pela inadimplência de alguns de seus principais clientes, dentre eles a Petrobras", disse a empresa em comunicado.

A partir do final de 2013 houve atrasos recorrentes em pagamentos devidos pela Petrobras em diversos contratos, segundo a companhia, que também menciona a retração do mercado de crédito para o segmento de infraestrutura, fortemente impactado pela Operação Lava Jato.

O pedido de recuperação judicial envolve também a Galvão Participações, mas não inclui CAB Ambiental, Galvão Óleo e Gás, Concessionária de Rodovias Galvao BR 153 e Galvão Finanças.

Sobre a operação Lava Jato, o grupo Galvão afirmou que "jamais participou de qualquer tipo de suposto 'cartel' de empresas em prejuízo dos interesses de seus clientes" e que a Galvão Engenharia é reconhecida pelos concorrentes como "agressiva" e "competitiva".

(Por Luciana Bruno e Juliana Schincariol; Edição de Luciana Bruno)