Eminence Capital eleva fatia na BR Properties e pode complicar OPA

quinta-feira, 26 de março de 2015 12:25 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A norte-americana Eminence Capital informou ter ampliado a participação no capital da BR Properties, o que pode comprometer a oferta pública de aquisição (OPA) do BTG Pactual e da Brookfield Property pela empresa de investimentos em imóveis comerciais.

A Eminence atingiu uma fatia de 14,14 por cento nas ações da BR Properties, segundo comunicado divulgado nesta quinta-feira. Antes das aquisições recentes de ações, a fatia da Eminence era de 2,34 por cento no capital da BR Properties.

A movimentação da Eminence pode impedir o êxito da OPA lançada no fim do mês passado pelo BTG e pela Brookfield Property pelo controle da BR Properties. Para ser bem-sucedida, a OPA precisa atingir um mínimo de 85 por cento do capital da companhia.

"Em vista da potencial OPA... Eminence decidiu adquirir ações de emissão da companhia em nome de seus clientes a fim de proteger os interesses econômicos dos seus clientes", informou a Eminence.

A Eminence acrescentou que não tem um objetivo estabelecido para seu investimento na BR Properties, mas que poderá adquirir ações adicionais da companhia em benefício de seus clientes até o montante agregado de 19,5 por cento do capital da empresa.

Na quarta-feira, a BR Properties informou ter contratado a Rothschild para assessorá-la em relação à OPA.

A ação da BR Properties vem sendo negociada na bolsa paulista a um preço acima do proposto na OPA, que é de 12 reais ou de 8,98 reais por papel após dividendos.

Às 11h44, a ação da companhia recuava 3,64 por cento, a 13,25 reais, enquanto o Ibovespa perdia 2,36 por cento.

(Por Aluísio Alves)