Ações asiáticas têm dia misto com receios sobre Oriente Médio; petróleo recua

sexta-feira, 27 de março de 2015 07:51 BRT
 

Por Shinichi Saoshiro

TÓQUIO (Reuters) - As ações asiáticas fecharam sem direção comum nesta sexta-feira com as tensões crescentes no Oriente Médio ofuscando as perspectivas de investimentos.

Às 7h42 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão recuava 0,12 por cento, após cair 1 por cento na sessão anterior.

Os preços do petróleo tinham queda nesta sessão devido à recuperação do dólar, conforme investidores reavaliavam o potencial impacto do conflito no Iêmen, onde a Arábia Saudita e aliados realizaram ataques aéreos contra rebeldes Houthi na quinta-feira.

O petróleo nos Estados Unidos caía 1,59 por cento para 50,61 dólares, enquanto o Brent perdia 1,1 por cento, a 58,54.

A operação liderada pela Arábia Saudita não afetou as instalações de petróleo dos principais produtores do Golfo. No entanto, temores de que o conflito pode se espalhar e atrapalhar carregamentos do Oriente Médio têm sustentado os preços do petróleo.

Entre as ações da região, os índices em Hong Kong, Coreia do Sul e Taiwan tiveram quedas. Já as ações australianas, em Xangai e Cingapura registraram altas.

O índice japonês Nikkei devolveu ganhos e fechou com queda de quase 1 por cento. "Consultores de negociação de commodities e fundos de hedge estão realizando lucros e desfazendo suas posições de opções antes do fim do primeiro trimestre", disse um operador sênior de uma corretora estrangeira em Tóquio.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,95 por cento, a 19.285 pontos.   Continuação...