Wall St cai, mas S&P e Nasdaq têm ganhos trimestrais

terça-feira, 31 de março de 2015 18:55 BRT
 

Por Caroline Valetkevitch

NOVA YORK (Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos fecharam em queda nesta terça-feira, com recuo nas ações de energia e avanço do dólar no mercado internacional, após a forte alta na sessão anterior, mas com S&P 500 e Nasdaq registrando o nono trimestre seguido de ganhos.

O índice Dow Jones caiu 1,11 por cento, a 17.776 pontos, enquanto o S&P 500 cedeu 0,88 por cento, a 2.067 pontos. O Nasdaq caiu 0,94 por cento, a 4.900 pontos.

No trimestre, o Dow Jones caiu 0,3 por cento, o S&P subiu 0,4 por cento e o Nasdaq avançou 3,5 por cento. Em março, os índices Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq caíram 2 por cento, 1,7 por cento e 1,3 por cento, respectivamente.

O período de ganhos trimestrais do S&P 500 foi o mais longo desde 1998, enquanto o do Nasdaq foi o maior da história.

As ações de energia foram algumas das principais influências negativas, acompanhando a queda nos preços do petróleo. O índice de energia do S&P 500 caiu 0,9 por cento, enquanto Exxon Mobil recuou 0,7 por cento.

O petróleo foi pressionado conforme Irã e seis países continuavam as conversas sobre o acordo nuclear que pode levar o Irã a aumentar as exportações de petróleo.

O dólar adicionou pressão devido aos fortes ganhos no mercado internacional no trimestre, aumentando as preocupações em relação aos balanços de empresas norte-americanas. Os lucros das empresas que compõem o S&P 500 devem ter caído 2,8 por cento no primeiro trimestre em relação ao mesmo período de 2014, segundo dados da Thomson Reuters.

"O movimento de hoje é um reflexo de todo o trimestre ruim - o dólar mais forte, o petróleo mais fraco - e, de certa forma, apenas um recuo dos fortes ganhos de ontem", disse o estrategista-chefe da LPL Financia, John Canally.

"Amanhã é um novo trimestre e há um novo grupo de pessoas dispostas a assumir alguns riscos, então eu não me surpreenderia se víssemos uma alta no dia".