Atividade da indústria nos EUA desacelera para mínima em 22 meses, segundo ISM

quarta-feira, 1 de abril de 2015 11:21 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - O ritmo de crescimento da indústria dos Estados Unidos caiu em março ao patamar mais lento em quase dois anos, pressionado pela desaceleração nos ganhos em novas encomendas e criação de vagas estagnada, de acordo com relatório do Instituto de Gestão de Fornecimento (ISM, na sigla em inglês) divulgado nesta quarta-feira.

O ISM informou que seu índice de atividade industrial nacional caiu para 51,5 ante 52,9 no mês anterior. A leitura ficou abaixo das projeções de 52,5, segundo pesquisa da Reuters com economistas, e foi a mais baixa desde maio de 2013.

Leitura acima de 50 indica expansão no setor industrial. Esta foi a 28ª leitura em ou acima de 50.

O subíndice de novas encomendas recuou para 51,8 no mês passado ante 52,5 em fevereiro, e o subíndice de emprego caiu para 50 ante 51,4, ambos também em mínimas em 22 meses.

(Por Rodrigo Campos)