Governo ucraniano aprova quadro para reestruturação de dívida

sábado, 4 de abril de 2015 18:52 BRT
 

KIEV (Reuters) - O governo ucraniano aprovou neste sábado o quadro para a operação de reestruturação da dívida ucraniana, afirmou o Ministério das Finanças em um comunicado.

A Ucrânia deve começar as conversas sobre uma acelerada troca de dívida com investidores, incluindo Franklin Templeton, PIMCO e Blackrock, como parte de um pacote de socorro de 40 bilhões de dólares aprovado com o Fundo Monetário Internacional (FMI) no mês passado.

O Ministério das Finanças reiterou que Kiev quer um acordo em vigor no fim de maio, antes de o FMI realizar sua revisão de junho.

"Pelo programa do FMI, negociações com os credores devem ser finalizadas até a 1a revisão (em maio de 2015)", disse.

O comunicado não deu detalhes sobre os termos que Kiev irá propor aos investidores nas negociações.

Os três alvos da operação de dívida são gerar 15,3 bilhões de dólares em economia, levar o índice de dívida sobre o PIB para um patamar abaixo de 71 por cento até 2020 e manter as necessidades brutas de financiamento do orçamento em uma média de 10 por cento do PIB em 2019 a 2025, afirmou o Ministério das Finanças.

(Por Alessandra Prentice)