Wall St fecha em alta após Fed indicar que deve elevar os juros este ano

quarta-feira, 8 de abril de 2015 19:12 BRT
 

Por Ryan Vlastelica

NOVA YORK (Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos encerraram a volátil sessão desta quarta-feira em leve alta, após a ata da mais recente reunião de política monetária do Federal Reserve indicar que o banco central norte-americano permanece no rumo para elevar os juros ainda este ano.

O índice Dow Jones subiu 0,15 por cento, a 17.902 pontos, enquanto o S&P 500 teve ganho de 0,27 por cento, a 2.081 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq subiu 0,83 por cento, a 4.950 pontos.

Logo após a divulgação da ata, os índices oscilaram entre os maiores ganhos do dia e o território negativo, conforme operadores avaliavam o documento em busca de pistas sobre quando os juros serão elevados. Alguns membros do Fed disseram que dados econômicos a serem divulgados podem justificar um início do processo de elevação dos juros em junho, enquanto outros anteciparam um aumento mais tarde em 2015, devido à recente força do dólar.

Agentes de mercado vinham esperando o primeiro aumento em setembro ou mais tarde, com o dado do mercado de trabalho da semana passada muito mais fraco que o esperado sinalizando uma desaceleração do crescimento da economia dos EUA. O banco central norte-americano já disse que somente elevará os juros quando os dados sugerirem que a economia está forte o suficiente para resistir a um aperto monetário.

"Junho viria como uma surpresa", disse o estrategista-sênior de investimento e diretor de alocação de ativos da RidgeWorth Investments, Alan Gayle.

Autoridades do Fed reconheceram riscos externos e um começo de ano fraco, mas permaneceram confiantes na força da recuperação, mostrou a ata da reunião de março.

Os mercados acionários foram amparados pela atividade de fusões e aquisições no setor de saúde, apesar das ações do setor de energia terem acompanhado a queda acentuada dos preços do petróleo.

As ações da farmacêutica Mylan subiam 14,8 por cento, a 68,36 dólares, depois que a fabricante de medicamentos genéricos fez uma oferta para comprar a Perrigo Co por cerca de 29 bilhões de dólares em dinheiro e ações. Os papéis da Perrigo subiram 18,4 por cento, a 195 dólares. As duas empresas tiveram os maiores ganhos percentuais do S&P 500.

Os preços do petróleo caíram após relatório mostrando o maior aumento semanal nos estoques de petróleo dos Estados Unidos em 14 anos. A notícia ofuscou a oferta de 70 bilhões de dólares da Royal Dutch Shell pela rival BG Group.

O índice de energia do S&P caiu 1 por cento.