Banco central britânico mantém juros enquanto aguarda sinais de inflação

quinta-feira, 9 de abril de 2015 08:15 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O banco central britânico deixou inalterada a taxa de juros em mínima recorde nesta quinta-feira, com autoridades aguardando para ver se a queda na inflação terá vida curta ou se passará a ser uma ameaça maior à economia britânica.

Na última decisão sobre a taxa de juros antes das eleições nacionais em 7 de maio, o banco central britânico deixou sua taxa referencia de empréstimos em 0,5 por cento, patamar em que está desde o auge da crise financeira global em 2009.

(Por William Schomberg)