Lafarge e Holcim nomeiam Eric Olsen como CEO de grupo combinado

quinta-feira, 9 de abril de 2015 11:24 BRT
 

ZURIQUE/PARIS (Reuters) - A Lafarge e a Holcim escolheram Eric Olsen, da Lafarge, como presidente-executivo da companhia combinada, potencialmente abrindo caminho para que os dois grupos cimenteiros asssegurem a fusão de 40 bilhões de dólares, se acionistas a apoiarem no mês que vem.

O papel de presidente-executivo era um grande ponto de disputa quando a combinação das duas companhias chegou perto de entrar em colapso em março. Os dois grupos eventualmente acertaram novos termos para satisfazer acionistas da Holcim, mas o posto mais alto continuava sendo um problema.

Desde que o acordo foi anunciado em abril do ano passado, investidores da Holcim observaram o desempenho relativo das companhias mudarem. Um franco suíço mais forte também se tornou um fator, junto a questões sobre o estilo de gerenciamento e o histório de Bruno Lafont, o presidente-executivo da Lafarge, que seria o presidente-executivo da companhias combinada.

Os dois grupos acertaram que Lafont será copresidente do Conselho com Wolfgang Reitzle, da Holcim, em vez de presidente-executivo como planejado inicialmente.

Olsen, um veterano com 16 anos na Lafarge, recebeu apoio dos Conselhos de ambas as companhias como presidente-executivo após o Conselho da Holcim se reunir na quarta-feira.

Olsen, de 51 anos e que tem cidadania norte-americana e francesa, ingressou na Lafarge em 1999 e hoje trabalha como seu vice-presidente executivo para operações, responsável por países incluindo França, Estados Unidos, Brasil e Egito.

(Por Leila Abboud e Oliver Hirt in Zurich)