Lucro do Wells Fargo cai com aumento das despesas

terça-feira, 14 de abril de 2015 10:42 BRT
 

(Reuters) - O Wells Fargo & Co, maior banco de hipotecas dos Estados Unidos, teve queda de 2,6 por cento do lucro trimestral, informou nesta terça-feira, enquanto as despesas subiram e o banco separou mais recursos para cobrir empréstimos ruins.

O Wells Fargo separou 608 milhões de dólares no primeiro trimestre, uma alta de cerca de 87 por cento sobre igual período do ano anterior.

As despesas não ligadas a juros subiram cerca de 5 por cento, para 12,51 bilhões de dólares.

A receita com empréstimos ligados a hipotecas subiu 2,4 por cento, para 1,55 bilhão de dólares, após ter caído nos quatro trimestres anteriores, e respondendo por 14,6 por cento da receita do banco não ligada a juros.

O lucro líquido aplicável às ações ordinárias do Wells Fargo caiu para 5,46 bilhões de dólares, ou 1,04 dólar por ação, no primeiro trimestre encerrado em 31 de março, de 5,61 bilhões de dólares, ou 1,05 dólar por ação, um ano antes.

Analistas esperavam, em média, lucro de 0,98 dólar por ação, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

O Wells Fargo disse que as aplicações em hipotecas programadas subiram para 44 bilhões de dólares em 31 de março ante 26 bilhões de dólares no fim de dezembro.

A receita do Wells Fargo com cartões de crédito, uma das principais áreas de expansão do banco, subiu 11 por cento, para 871 milhões de dólares.

(Por Anil D'Silva e Neha Dimri em Bangalore)