IEA diz que aumento da oferta de petróleo pode adiar aperto do mercado

quarta-feira, 15 de abril de 2015 09:04 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O mercado global de petróleo pode demorar mais que o esperado para se ajustar devido a um aumento na oferta da Opep e a um potencial crescimento da oferta do Irã, mesmo com sinais de força da demanda, disse nesta quarta-feira a Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês).

A agência elevou sua previsão de crescimento da demanda global por petróleo em 2015 pelo segundo mês consecutivo, citando bolsões de forte consumo na Europa, Índia e nos Estados Unidos.

A demanda global por petróleo está crescendo mais rápido que o projeto, mas a oferta também, e a IEA, que assessora grande países industrializados em assuntos de energia, alongou sua previsão de quando o mercado pode voltar a ficar apertado.

"Os últimos acontecimentos podem, portanto, levar a um questionamento da expectativa anterior de que a oferta e a demanda poderiam apertar o mercado a partir de meados do ano", disse a agência em seu relatório mensal.

A produção da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) subiu para 31,02 milhões de barris por dia (bpd) em março, quase uma máxima de dois anos, impulsionada pela Arábia Saudita.

A IEA elevou sua previsão de crescimento de uso de petróleo neste ano em 90 mil bpd para 1,08 milhão de bpd, colocando a demanda total de 2015 em uma média de 93,60 milhões de bpd.

(Por Alex Lawler e Christopher Johnson)