Barbosa diz ser possível cumprimento da meta fiscal deste ano; cortes saem em maio

quarta-feira, 15 de abril de 2015 18:49 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, disse nesta quarta-feira que acredita ser possível o cumprimento da meta de superávit primário deste ano e que o contigenciamento do Orçamento será anunciado em meados de maio.

"O contigênciamento será feito no valor necessário para o atingimento da meta, e isso muda com base na flutuação da economia e com a evolução do ajuste fiscal", disse ele, afirmando que o Orçamento de 2015 deve ser sancionado na semana que vem.

Ao comentar o projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2016, enviado nesta quarta-feira ao Congresso, Barbosa garantiu a continuação do aperto fiscal e disse que o cumprimento da meta de superávit fiscal deste ano é necessário para que o país volte a crescer.

A meta de superávit primário estabelecida na proposta da LDO 2016 é de 126,73 bilhões de reais, equivalente a 2 por cento do Produto Interno Bruto. Para este ano, a meta foi fixada em 66,3 bilhões de reais, equivalente a 1,2 por cento do PIB.

(Por Nestor Rabello)