Unilever tem vendas melhores que o esperado no 1o tri, mas vê deterioração no Brasil

quinta-feira, 16 de abril de 2015 12:28 BRT
 

LONDRES (Reuters) - A Unilever divulgou nesta quinta-feira vendas melhores que o esperado para o primeiro trimestre e manteve um tom positivo sobre o restante do ano, citando sinais mais otimistas em mercados como Estados Unidos, China e Índia.

Porém, a companhia citou em no balanço de vendas um quadro de "deterioração" na Rússia e no Brasil, onde está verificando queda no gasto dos consumidores.

A avaliação ocorre apesar das vendas da companhia na América Latina terem crescido 8,9 por cento no primeiro trimestre, para 2,1 bilhões de euros, ante uma expansão de 0,5 por cento na América do Norte, a 2,06 bilhões, excluindo impacto de movimentos cambiais, aquisições e vendas de ativos.

No geral, as vendas da Unilever nos três primeiros meses do ano somaram 12,8 bilhões de euros, um crescimento de 2,8 por cento. Analistas, em média, esperavam expansão de 2,1 por cento para o período, segundo dados apresentados pela companhia.

A Unilever obtém mais da metade de suas vendas em mercados emergentes, responsáveis por 7,5 bilhões de euros do faturamento total do grupo no primeiro trimestre.

 
16/05/2013. REUTERS/Danish Siddiqui