EXCLUSIVO-Novo plano de negócios da Petrobras deve ser 20% menor, diz fonte

quinta-feira, 16 de abril de 2015 17:15 BRT
 

Por Rodrigo Viga Gaier

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O escândalo de corrupção que envolve a Petrobras e importantes fornecedores levará a petroleira a reduzir em cerca de 20 por cento os investimentos em seu próximo plano de negócios de cinco anos, disse à Reuters nesta quinta-feira uma fonte com conhecimento direto do assunto.

Segundo a fonte, que falou sob condição de anonimato, o plano de negócios da Petrobras para o período de 2015 a 2019 deverá ser divulgado em maio.

"Em números absolutos pode ter uma variação para baixo em torno dos 20 por cento, pode ser", afirmou a fonte, ao ser questionada sobre estimativas de analistas de redução de 20 a 30 por cento dos investimentos futuros pela Petrobras.

O plano atual 2014-2018 prevê investimentos de 220,6 bilhões de dólares. Assim, o corte da ordem de 20 por cento representaria um novo plano plurianual de negócios da Petrobras orçado em pouco mais de 176 bilhões de dólares.

"Ainda será um plano de investimento robusto, porém mais dentro da realidade de caixa da empresa e devido à capacidade da empresa de realização desse plano, dado o fato de os fornecedores passarem essa situação perante as investigações", disse a fonte.

A Petrobras está no centro de um escândalo de corrupção bilionário investigado pela Operação Lava Jato, da Polícia Federal, com envolvimento de funcionários, executivos de empreiteiras e políticos.

BRASKEM   Continuação...

 
25/02/2015. REUTERS/Paulo Whitaker