Petrobras diz que já cobriu suas necessidades de financiamento para 2015

sexta-feira, 17 de abril de 2015 19:43 BRT
 

SÃO PAULO/RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras fechou acordos com a Caixa Econômica Federal, Bradesco, Banco do Brasil e Standard Chartered que complementam necessidades de recursos da empresa, garantindo à petroleira a cobertura de suas necessidades de financiamentos para 2015, segundo fato relevante divulgado pela estatal nesta sexta-feira.

Entre financiamento e limites de crédito pré-aprovado, o somatório das operações chega a 9,5 bilhões de reais, trazendo alívio para a estatal em momento em que enfrenta limites para fazer captações no mercado de dívida, por conta da crise decorrente do escândalo de corrupção.

Além daquele montante, a Petrobras anunciou ainda negócio envolvendo plataformas, no valor de 3 bilhões de dólares.

"Essas operações, somadas a outras já executadas neste ano, atendem às necessidades de financiamento da companhia para 2015", disse a petroleira.

Com o Banco do Brasil, a companhia aprovou um financiamento no valor de 4,5 bilhões de reais, na modalidade de nota de crédito à exportação, por meio da subsidiária BR Distribuidora, pelo prazo de seis anos.

Com a Caixa, a petroleira anunciou aprovação de acordo para um limite de financiamento pré-aprovado ("standby") no valor de 2 bilhões de reais e prazo de até cinco anos.

Aprovou ainda limite de financiamento pré-aprovado com o Bradesco, no valor de 3 bilhões de reais e prazo de até cinco anos.

Já com o banco Standard Chartered, a Petrobras aprovou um acordo de cooperação para uma operação de venda com arrendamento e opção de re-compra de plataformas de produção, no valor de até 3 bilhões de dólares e prazo de dez anos.

  Continuação...

 
Vista geral da refinaria da Petrobras em Cubatão, na Baixada Santista, em fevereiro. 25/02/2015 REUTERS/Paulo Whitaker