BC do Japão mantém política monetária

quinta-feira, 30 de abril de 2015 07:19 BRT
 

TÓQUIO (Reuters) - O banco central do Japão manteve seu forte estímulo monetário nesta quinta-feira, evitando mais afrouxamento por enquanto na expectativa de que a alta dos salários e uma esperada recuperação no consumo privado vai levar a inflação na direção de sua meta de 2 por cento.

Como esperado, o BC deixou inalterada sua promessa de elevar a base monetária, ou dinheiro e depósitos no banco central, a um ritmo anual de 80 trilhões de ienes (672 bilhões de dólares) através de compras de títulos governamentais e ativos de risco.

O BC japonês tem mantido o ritmo desde que aumentou o estímulo em outubro do ano passado para impedir que a queda dos preços do petróleo, e uma subsequente desaceleração na inflação, adie o fim de 15 anos da deflação.

(Reportagem de Leika Kihara, Stanley White, Tetsushi Kajimoto e Mari Saito)