Grécia está disposta a avançar com vendas de ativos para aplacar credores, diz fonte

terça-feira, 5 de maio de 2015 08:36 BRT
 

ATENAS (Reuters) - A Grécia está disposta a finalizar rapidamente uma operação de 1,2 bilhão de euros sob os termos da qual a alemã Fraport passará a operar aeroportos regionais e voltar a receber ofertas por uma fatia majoritária no porto de Pireu, disse uma autoridade sênior de privatizações à Reuters nesta terça-feira.

O plano de avançar com as duas grandes vendas de ativos - cujos futuro estava em dúvida desde que o primeiro ministro, Alexis Tsipras, assumiu o poder - parece ser a mais recente concessão de seu governo para assegurar a ajuda de credores da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional (FMI).

Os ministérios das Finanças, da Marinha e da Economia envolvidos nas duas vendas de ativos não quiseram comentar.

"A questão dos aeroportos regionais será concluída de imediato", disse uma autoridade da agência grega de privatizações, a HRADF, sob condição de anonimato, acrescentando que um anúncio pode ser esperado para até 15 de maio.

A autoridade disse também que Atenas convidará, nos próximos dias, investidores selecionados para que enviem até julho ofertas vinculantes por uma fatia de 51 por cento no maior porto da Grécia, o Pireu, com a opção de elevar a participação para 67 por cento em cinco anos.

(Por Angeliki Koutantou)