Sprint tem queda na receita mas acrescenta 1,2 milhão de novos clientes

terça-feira, 5 de maio de 2015 10:06 BRT
 

(Reuters) - A receita trimestral da Sprint caiu 6,7 por cento com a operadora norte-americana de telefonia móvel cortando preços agressivamente e fazendo promoções para atrair assinantes.

Operadoras de telefonia têm tentado roubar clientes umas das outras com descontos e incentivos, enquanto tentam aumentar a receita num mercado altamente competitivo e quase saturado.

A Sprint adicionou 1,2 milhão de novos clientes, número mais alto em cerca de três anos, numa base líquida no trimestre, em comparação à perda líquida de 383 mil clientes no ano passado.

O prejuízo líquido da Sprint se aprofundou para 224 milhões de dólares, ou 0,06 dólar por ação, nos três meses encerrados em março, ante 151 milhões ou 0,04 por papel um ano antes.

Os números ficaram em linha com estimativas de analistas, de prejuízo de 0,06 dólar por ação, pela Thomson Reuters I/B/E/S.

A companhia, na qual a japonesa SoftBank detém uma fatia de 80 por cento, disse que a receita operacional líquida caiu para 8,3 bilhões ante 8,88 bilhões de dólares, levemente abaixo da projeção de receita 8,43 bilhões de dólares de analistas.

(Por Malathi Nayak e Supantha Mukherjee)