Bovespa fecha abril com saldo externo positivo recorde de R$7,6 bi

terça-feira, 5 de maio de 2015 13:12 BRT
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa terminou abril com saldo de capital externo positivo em 7,6 bilhões de reais, o melhor resultado da série histórica da BM&FBovespa, que tem início em 2000, conforme dados disponibilizado pela bolsa.

Os aportes líquidos praticamente dobraram frente a março, quando as entradas somaram 3,8 bilhões de reais e mais do que triplicaram frente a abril de 2014 (1,937 bilhão de reais).

O melhor resultado até então na série da bolsa havia sido registrado em janeiro de 2012, quando o saldo ficou positivo em 7,168 bilhões de reais.

De acordo com profissionais de renda variável, o desempenho em abril reflete incertezas sobre o início da alta de juros nos Estados Unidos e a melhora na percepção de risco do Brasil.

A alocação dos estrangeiros foi o principal suporte para o avanço de quase 10 por cento do Ibovespa em abril.

"Uma melhoria do ambiente político (no Brasil) combinada com perspectivas de uma política monetária mais relaxada nos Estados Unidos no curto prazo levaram o Ibovespa a um rali de 17 por cento, em dólar, em abril", disse o BTG Pactual.

Em relatório na véspera, o BTG disse ver ainda risco de novas altas a partir de uma melhora contínua na percepção de risco do Brasil e do fato de que investidores globais estão fortemente "underweight" (com posições abaixo da média) em Brasil.