Nissan prevê lucro maior com alta de venda de veículos e corte de custos

quarta-feira, 13 de maio de 2015 07:33 BRT
 

YOKOHAMA (Reuters) - A Nissan Motor, segunda maior montadora do Japão, disse esperar que seu lucro operacional suba 15 por cento neste ano fiscal, prevendo crescimento das vendas de veículos na maior parte das regiões e prometendo grandes cortes de custos.

A previsão se segue a resultados robustos no ano graças a ganhos com câmbio e à popularidade de seu SUV crossover Rogue e outros modelos nos Estados Unidos.

A empresa prevê que o câmbio irá trabalhar contra ela neste ano, mas planeja superar as expectativas de estabilidade nas vendas de veículos na indústria como um todo com crescimento de cerca de 5 a 6 por cento na China, nos Estados Unidos e a na Europa. Os cortes de custos devem adicionar 110 bilhões de ienes (920 milhões de dólares) ao lucro.

A Nissan, detida em 43,4 por cento pela francesa Renault, prevê lucro operacional de 675 bilhões de ienes - 2 por cento a menos que a estimativa média do mercado, devido em parte à expectativa de taxas de câmbio conservadoras.

O presidente-executivo, Carlos Ghosn, notou que as vendas estão caindo no Brasil e na Rússia, enquanto na China a demanda será impulsionada cada vez mais por redução de preços.

Preocupações sobre competição por preços no mercado chinês - o segundo maior da Nissan depois dos Estados Unidos - aumentaram após a General Motors reduzir o preço de 40 modelos.

(Por Chang-Ran Kim)