Copel tem queda de 19% no lucro do 1o trimestre, a R$470 mi

quinta-feira, 14 de maio de 2015 20:56 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A empresa paranaense de energia elétrica Copel teve queda de 19 por cento no lucro líquido no primeiro trimestre na comparação anual, pressionada por aumento de despesas operacionais e financeiras.

A empresa encerrou março com lucro líquido de 470 milhões de reais ante 583 milhões de reais um ano antes.

Os custos e despesas operacionais saltaram 50,2 por cento ano a ano (a 3,6 bilhões de reais). O aumento se deu por itens como o aumento de energia elétrica comprada para revenda, entrada de novos contratos de compra de energia e reajuste de contratos pela inflação, disse a Copel em seu relatório de resultados.

As despesas financeiras aumentaram 56,9 por cento, para 178,9 milhões de reais, pressionadas pelo aumento de encargos de dívidas decorrentes do maior saldo de financiamentos e debêntures, segundo a companhia.

Do lado operacional, a receita líquida avançou 38,9 por cento e encerrou o trimestre a 4,24 bilhões de reais.

A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) somou 835 milhões de reais, recuo de 2,8 por cento sobre um ano antes.

(Por Juliana Schincariol)