15 de Maio de 2015 / às 15:28 / 2 anos atrás

Cyrela continuará focada na venda de estoques, diz copresidente

SÃO PAULO (Reuters) - A Cyrela está desconfortável com o atual nível de estoques de imóveis prontos da incorporadora e seguirá focada em vendas, enquanto as compras de terrenos serão “oportunísticas”, disse nesta sexta-feira o copresidente da empresa Raphael Horn.

“A gestão de venda e estoques continua sendo prioridade”, declarou Horn durante teleconferência com analistas sobre os resultados da empresa no primeiro trimestre.

“Neste ano, as compras de terrenos serão oportunísticas e os lançamentos serão feitos de forma seletiva”, completou.

A Cyrela teve queda de quase 40 por cento do lucro líquido no primeiro trimestre na comparação anual, pressionado pelo recuo nas vendas e lançamentos.

A companhia encerrou março com estoque de 6,91 bilhões de reais, ante 7,1 bilhões um ano antes.

“Estamos atentos e bastante preocupados e desconfortáveis com o estoque pronto”, disse Horn. “Em 2015 não vamos resolver isso, esperamos resolver em 2016”, completou.

Segundo o executivo, a redução dos estoques não ocorrerá somente com descontos, mas também com campanhas e incentivos às vendas por meio de comissões a corretores.

Para o diretor financeiro Eric Alencar, o novo cenário de crédito escasso no país pode levar algumas concorrentes a financiar clientes. “Para a Cyrela é uma possibilidade, é um item que está em discussão”, disse.

“O crédito ainda não fechou. Houve aumento de juros, mas não vimos o momento de fazer isso, porque ainda existe crédito para os clientes e acredito que vai continuar existindo para os bons clientes”, declarou.

Segundo o diretor financeiro, no segundo trimestre a tendência é de mais economia nos projetos.

Horn disse ainda apoiar as medidas econômicas de austeridade fiscal pelo governo.

“Diminuição significativa da oferta tornará o mercado mais saudável no médio e longo prazos”, declarou o executivo.

Às 12hxx, a ação da Cyrela na BM&FBovespa subia 3,9 por cento, enquanto o Ibovespa avançava 0,4 por cento.

Por Luciana Bruno

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below