China importará volume recorde de soja de 77 mi t em 2015/16, prevê governo

segunda-feira, 18 de maio de 2015 09:52 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A China, maior comprador global de soja, deverá importar um volume recorde de 77 milhões de toneladas de soja na temporada 2015/16 (outubro-setembro), um aumento de 5,5 por cento ante o ano anterior, de acordo com previsão de um órgão de análises oficial.

A estimativa do centro de informações de grãos e oleaginosas da China (CNGOIC, na sigla em inglês) é ligeiramente menor do o volume de 77,5 milhões de toneladas previsto pelo Departamento de Agricultura dos EUA (USDA).

A produção de soja da China deverá cair 9,5 por cento no ano, para 11 milhões de toneladas, de acordo com CNGOIC.

Os agricultores chineses têm reduzido áreas de plantio de soja, dedicando mais terras para o cultivo de milho e arroz, disse o centro. A área com soja deverá cair 10,3 por cento no ano.

A China importa mais de 60 por cento da soja negociada no mundo, trazendo o produto especialmente de Brasil, Estados Unidos e Argentina.

A crescente demanda por carne tem impulsionado as importações feitas pelo país, uma vez que o produto é matéria-prima de ração para criações.

(Reportagem de Niu Shuping e Dominique Patton)