Petrobras despenca 6% e derruba Ibovespa abaixo de 56 mil pts

terça-feira, 19 de maio de 2015 18:13 BRT
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou no vermelho nesta terça-feira pelo segundo dia seguido e com o seu principal índice abaixo dos 56 mil pontos pela primeira vez no mês, diante do declínio de 6 por cento nas ações da Petrobras, em meio a incertezas sobre o futuro da estatal.

O Ibovespa caiu 1,26 por cento, a 55.498 pontos. O volume financeiro somou 6,8 bilhões de reais.

O gerente do renda variável da Fator Corretora, Frederico Ferreira Lukaisus, classificou o movimento na bolsa paulista como uma correção. "O Ibovespa começou o ano fraco, foi se recuperando e agora está corrigindo para baixo de novo", disse, avaliando que anúncios de acordos com a China limitaram perdas.

Brasil e China assinaram nesta terça-feira acordos que superam os 53 bilhões de dólares para investimentos e contratos de cooperação financeira, assegurando um fluxo de capital importante para a economia brasileira no momento em que busca se recuperar.

DESTAQUES

=PETROBRAS caiu mais de 6 por cento, com agentes financeiros ajustando posições após a divulgação do balanço do primeiro trimestre, cautelosos com o horizonte da companhia e a defasagem de preços domésticos de combustíveis com o exterior. Dados de produção da estatal de abril divulgados na véspera pouco animaram, enquanto fatores técnicos corroboraram a queda. No ano, a ação preferencial da Petrobras ainda acumula alta de quase 30 por cento e a ordinária sobe mais de 40 por cento.   Continuação...