Duas unidades da Marfrig recebem aval para exportar para China, diz presidente do Conselho

terça-feira, 19 de maio de 2015 18:59 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - A Marfrig tem duas plantas de abate de bovinos entre as oito que foram habilitadas a exportar para a China, afirmou o presidente do Conselho de Administração da companhia de alimentos, Marcos Molina, nesta terça-feira, classificando a abertura do mercado chinês como muito positiva.

"Há um potencial de crescimento muito grande do consumo chinês de carne", disse o executivo, presente no prédio do Ministério da Agricultura. Segundo Molina, a Marfrig tem mais duas plantas entre as outras nove que devem receber habilitação em junho para exportação para a China.

(Por Marcela Ayres)