Preços ao consumidor nos EUA reduzem alta, mas núcleo da inflação acelera

sexta-feira, 22 de maio de 2015 09:47 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - A alta dos preços ao consumidor nos Estados Unidos moderou devido à fraqueza nos preços da gasolina, mas o aumento dos custos com residências e saúde impulsionou o núcleo da inflação, o que deve manter o Federal Reserve na trajetória de elevar a taxa de juros ainda neste ano.

O Departamento do Trabalho informou nesta sexta-feira que seu Índice de Preços ao Consumidor (CPI, na sigla em inglês) subiu 0,1 por cento no mês passado após avançar 0,2 por cento em março. Nos 12 meses até abril, o CPI caiu 0,2 por cento, a maior queda desde outubro de 2009, após recuar 0,1 por cento em março.

O chamado núcleo da inflação, que não inclui custos de alimento ou energia, aumentou 0,3 por cento, maior ganho desde janeiro de 2013, depois de subir 0,2 por cento em março.