Malaysia Airlines será completamente reformulada, diz novo CEO

segunda-feira, 25 de maio de 2015 12:09 BRT
 

KUALA LUMPUR (Reuters) - A deficitária Malaysia Airlines vai passar por uma reformulação completa conforme é reestruturada numa nova companhia, com uma mudança de marca que será revelada na próxima semana e alterações planejadas para suas frotas e estratégias de redes.

Christoph Mueller, que saiu da companhia aérea irlandesa Aer Lingus, disse em sua primeira entrevista desde que assumiu o cargo como presidente-executivo em 1º de maio que a nova companhia será como uma "startup". Um novo nome e cores estão nas cartas para a Malaysia Airlines (MAS), disseram fontes à Reuters.

"Fui contratado para administrar a nova companhia inteiramente em termos comerciais e há muito pouca margem para erros", disse Mueller à Reuters no escritório da investidora malaia estatal Khazanah, que fechou o capital da MAS no final do ano passado como parte de uma restruturação de 6 bilhões de ringgits (1,66 bilhão de dólares).

"Não é uma continuação da antiga companhia num novo disfarce, tudo é novo", disse Mueller, que ajudou a reestruturar companhias aéreas como a Aer Lingus, a belga Sabena e a alemã Lufthansa.

A Khazanah anunciou nesta segunda-feira que o presidente do conselho da companhia de auditoria PricewaterhouseCoopers Malaysia foi nomeado para supervisionar a transferência dos ativos e passivos da MAS para uma nova companhia, a Malaysia Airlines Bhd, que deve começar a operar até setembro.

(Por Siva Govindasamy e Al-Zaquan Amer Hamzah)

 
Aeronave da Malaysian Airline manobra no aeroporto internacional de Kuala Lumpur, em foto de arquivo. 26/02/2007 REUTERS/Bazuki Muhammad