Índices europeus caem por preocupações políticas na Espanha e por Grécia

segunda-feira, 25 de maio de 2015 14:06 BRT
 

Por Sudip Kar-Gupta

LONDRES (Reuters) - Os índices acionários europeus fecharam em queda nesta segunda-feira, com preocupações com os problemas envolvendo a dívida grega golpeando a bolsa da Grécia, enquanto o mercado espanhol recuou após as eleições locais resultarem em um quadro político desfavorável ao governo em Madri.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne as principais ações do continente, caiu 0,11 por cento, a 1.616 pontos.

O ATG, principal índice de Atenas, recuou 3,1 por cento após o governo grego afirmar nesta segunda-feira que pretende cumprir suas obrigações relacionadas à dívida, mas que, para isso, precisa urgentemente de ajuda. O ATG acumula queda de cerca de 1,5 por cento desde o início de 2015, desempenho pior do que o de outras bolsas europeias.

As declarações do governo grego vieram depois de várias autoridades de alto escalão insistirem que Atenas não tem dinheiro para quitar uma parcela de empréstimo que vence na semana que vem.

O índice espanhol IBEX também recuou com força, após o Partido Popular (PP), que atualmente governa o país, ter desempenho pífio nas eleições regionais e locais no domingo. Eleitores puniram o primeiro-ministro, Mariano Rajoy, por quatro anos de severos cortes de gastos e uma série de escândalos de corrupção.

Os volumes de negócios foram reduzidos, com as bolsas em Londres, Frankfurt e Nova York fechadas devido a feriados.

Em LONDRES, o índice Financial Times não operou devido a feriado.

Em FRANKFURT, o índice DAX não operou devido a feriado.   Continuação...