Índices acionários asiáticos caem por problemas na Europa e expectativas de alta do juro nos EUA

quarta-feira, 27 de maio de 2015 07:55 BRT
 

Por Shinichi Saoshiro

TÓQUIO (Reuters) - Os índices acionários asiáticos recuaram nesta quarta-feira, reagindo à percepção cada vez mais forte de que o Federal Reserve está caminhando para elevar a taxa de juros ainda neste ano e a receios com a possibilidade de problemas financeiros na Espanha, além das turbulências na Grécia.

Seguindo a queda de Wall Street, às 7h50 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 0,99 por cento.

Tanto o Dow Jones quanto o S&P 500 recuaram 1 por cento na terça-feira devido a preocupações sobre a dívida grega e após a divulgação de indicadores econômicos positivos nos EUA.

Os planos de investimentos empresariais cresceram, a confiança do consumidor melhorou e os preços de moradias aceleraram os ganhos na maior economia do mundo. Os dados reforçaram declarações da chair do Fed, Janet Yellen, que afirmou que o banco central norte-americano pode elevar o juro neste ano se a economia continuar melhorando.

Com Atenas já enfrentando a possibilidade de não conseguir cumprir o prazo de 5 de junho para o pagamento de uma parcela de sua dívida ao Fundo Monetário Internacional (FMI), o ânimo na Europa tornou-se ainda mais azedo após eleitores na Espanha punirem o Partido Popular (PP), atualmente no governo, em eleições locais após anos de austeridade.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,17 por cento, a 20.472 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,60 por cento, a 28.081 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSE ganhou 0,63 por cento, a 4.941 pontos.   Continuação...