Bancos e Petrobras reconduzem índice aos 54 mil pontos com respaldo externo

quarta-feira, 27 de maio de 2015 19:02 BRT
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou com o seu principal índice em alta nesta quarta-feira e novamente acima dos 54 mil pontos, em meio à recuperação das ações de bancos e dos papéis da Petrobras, tendo como suporte o viés positivo nas praças acionárias externas.

O Ibovespa subiu 1,13 por cento, a 54.236 pontos, após oscilar sem tendência definida na primeira etapa do dia, com o noticiário corporativo e movimentos de realização de lucros exercendo pressão negativa nos negócios.

O volume financeiro do pregão somou 6,6 bilhões de reais.

Agentes financeiros também repercutiram positivamente a aprovação no Senado Federal da medida provisória que trata de benefícios trabalhistas, apesar de ainda estarem apreensivos com eventual desfiguração das medidas de ajuste fiscal no Legislativo.

Na véspera, o Senado aprovou a Medida Provisória 665, que altera o acesso a benefícios como o seguro-desemprego, e nesta sessão é aguardada a votação da MP 664, que trata dos benefícios previdenciários.

Em Wall Street, os principais índices acionários avançaram guiados pelas ações de tecnologia e de cuidados pessoais, com investidores também na expectativa de que a Grécia será capaz de evitar um default de sua dívida.

DESTAQUES   Continuação...