Venezuela fecha acordo de US$14 bi com petroleira russa Rosneft

quinta-feira, 28 de maio de 2015 10:57 BRT
 

CARACAS (Reuters) - A Venezuela fechou um acordo com a petroleira gigante russa Rosneft para investimentos de 14 bilhões de dólares em projetos de petróleo e gás no país da América do Sul integrante da Opep, nos próximos anos.

O presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, e o presidente da Rosneft, Igor Sechin, reuniram-se na quarta-feira em companhia do presidente da estatal venezuelana PDVSA, Eulogio Del Pino, e do líder da Assembleia Nacional, Diosdado Cabello.

"Nós tivemos um grande encontro e concordamos em investimentos de mais de 14 bilhões de dólares para dobrar a produção de petróleo nos próximos anos; e projetos de gás e na faixa petrolífera do Orinoco", disse Maduro, em um evento televisionado, sem dar mais detalhes.

A estatal Rosneft tornou-se um dos principais parceiros da PDVSA no Orinoco, onde está envolvida em três empresas que exploram parte das maiores reservas de petróleo do mundo.

A PDVSA tem planos ambiciosos para aumentar a sua produção para até 6 milhão de barris por dia (bpd) de petróleo em 2019, com 4 milhões jorrando da faixa do Orinoco, embora poucos na indústria acreditem que essas expectativas possam ser cumpridas.

    O cinturão de Orinoco produz atualmente cerca de 1,35

milhões de bpd.

(Por Alexandra Ulmer e Eyanir Chinea)