UE, BCE e FMI acertam termos de acordo de dívida para Grécia

terça-feira, 2 de junho de 2015 17:01 BRT
 

BRUXELAS (Reuters) - A Comissão Europeia, o Banco Central Europeu e o Fundo Monetário Internacional acertaram nesta terça-feira os termos de um acordo de reformas em troca de dinheiro a ser apresentado à Grécia, na tentativa de concluir quatro meses de negociações da dívida, disse uma autoridade da União Europeia.

A proposta foi esboçada após a França e a Alemanha se encontraram com líderes das três instituições para conversas de emergência na segunda-feira, pressionando-os para que acertassem as próprias divergências e encontrassem uma solução com a Grécia.

Não ficou claro se o governo grego de esquerda do primeiro ministro Alexis Tsipras, que encaminhou um plano diferente e votou por não aceitar mais austeridade, aceitaria o plano dos credores.

(Por Jan Strupczewski)