Consórcios Pedrosa/Neeleman e de Efromovich melhoram propostas por TAP

sexta-feira, 5 de junho de 2015 14:38 BRT
 

LISBOA (Reuters) - Os dois consórcios que concorrem à privatização da TAP entregaram propostas finais para comprar 61 por cento da endividada companhia aérea, melhorando as condições oferecidas antes, e o governo português quer tomar uma decisão rapidamente, mas não se compromete com um prazo, disse o secretário de Estado dos Transportes de Portugal.

Em maio, o governo escolheu o consórcio Gateway - liderado pelo presidente da Barraqueiro, Humberto Pedrosa, e que inclui a 'holding' DGN de David Neeleman - e o consórcio Sagef, do grupo do brasileiro-colombiano Germán Efromovich, para negociações diretas, após as quais tinham de apresentar propostas finais vinculativas, com melhores condições face às ofertas iniciais.

(Por Sérgio Gonçalves)