Colheita de milho de Mato Grosso começa com melhora na produtividade

sexta-feira, 5 de junho de 2015 17:19 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A colheita de milho em Mato Grosso, principal produtor do cereal no país, chegou esta semana a 1,4 por cento da área plantada, no mesmo ritmo registrado um ano atrás, mas com ganhos significativos em produtividades, informou nesta sexta-feira o Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Ante a semana passada, houve um pequeno avanço de 0,8 ponto percentual na área colhida.

"A colheita está iniciando timidamente. Tem havido muita chuva, e alguma coisa de grãos ardidos (danificados pela umidade), mas pouco", disse o diretor técnico da Aprosoja, associação que reúne produtores de grãos do Estado, Nery Ribas.

Apesar de atrapalhar um pouco os trabalhos de colheita, o que ainda não preocupa os produtores, as chuvas acima da média nos últimos meses no Centro-Oeste brasileiro têm favorecido o desenvolvimento das lavouras.

A produtividade deste início de safra está 14,5 por cento superior à registrada no começo da temporada passada, segundo dados do Imea.

As primeiras lavouras desta temporada têm rendido 110,51 sacas por hectare, contra 96,5 sacas um ano atrás, no início da colheita 2013/14.

O Imea, órgão ligado à federação dos produtores, não disponibiliza dados de rendimento do início da temporada 2012/13, mas os índices atuais também estão acima do fechamento daquela safra, que atingiu 102 sacas por hectare, em média.

(Por Gustavo Bonato)