Mars junta-se à BP e à Shell em oposição às regulamentações europeias ao mercado

domingo, 7 de junho de 2015 16:12 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - A fabricante de alimentos Mars Inc juntou-se às empresas de petróleo BP e Shell em oposição às planejadas regulamentações de mercado financeiro da Europa, argumentando que elas aumentariam a volatilidade e reduziriam a liquidez em produtos brutos do mercado, segundo relatório do Financial Times, neste domingo.

As empresas, ao lado da Associação Cocoa Europeia, assim como a negociante de commodities Vitol, assinaram a carta direcionada à Comissão Europeia, notando um "risco significante de prejudicar os mercados", disse o relatório. As empresas argumentaram que isso aumentaria o preço dos bens, de comida a energia.

As partes também incluíram a Bolsa Intercontinental, Eon, RWE e Euronext. Também expressaram preocupação que as regras aumentariam o custo de negócios e hedging.

Os comentários foram feitos porque as autoridades europeias estão conduzindo uma última revisão dos Instrumentos Financeiros Diretivos dos Mercados para se proteger de riscos sistemáticos em equidade, renda fixa e mercados de commodities, disse o Financial Times.

(Por Catherine Ngai)