Indicador da OCDE mostra mais sinais de fraqueza nas economias dos EUA e Brasil

segunda-feira, 8 de junho de 2015 08:27 BRT
 

PARIS (Reuters) - O crescimento econômico dos Estados Unidos está mostrando mais sinais de enfraquecimento enquanto uma recuperação está ganhando tração em países da zona do euro como França e Itália, disse a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) nesta segunda-feira.

O indicador mensal da OCDE, um medidor desenvolvido para marcar pontos de virada na economia internacional, mostrou quedas para os EUA e outras economias importantes como China e Brasil.

O indicador, um índice sintético onde 100 é a média de longo prazo, permaneceu em 100,7 na zona do euro, mas nos EUA recuou para 99,5 ante 99,7 em março, tendo caído para baixo dos 100 em fevereiro. A leitura para o Brasil caiu para 99,0 ante 99,1, e a da China recuou a 97,5 ante 97,7.

A leitura do índice de abril subiu no Japão para 100,0 ante 99,9 enquanto caiu na Grã-Bretanha para 100,0 ante 100,1.

Dentro da zona do euro, o indicador subiu para França a 100,8 ante 100,7, e na Itália para 101,0 ante 100,9. A leitura para a Alemanha, a maior economia do bloco, avançou a 99,9 ante 99,8 um mês antes.

(Por Brian Love)