Grécia diz que ainda aguarda resposta da UE e FMI sobre proposta

quarta-feira, 10 de junho de 2015 07:44 BRT
 

ATENAS (Reuters) - A Grécia informou nesta quarta-feira que seus credores internacionais não responderam a sua última proposta para romper o impasse relativo às reformas em troca de recursos, apesar de uma série de declarações negativas em privado de autoridades da UE.

Conforme as negociações para impedir que Atenas dê default de suas dívidas alcançam um estágio crítico, uma fonte francesa disse que nenhuma reunião entre os líderes de Alemanha, França e Grécia foi marcada para esta quarta-feira.

Isso parece contradizer uma agenda do governo grego divulgada na terça-feira informando que o primeiro-ministro, Alexis Tsipras, iria se reunir com a chanceler alemã Angela Merkel e o presidente francês François Hollande durante conferência em Bruxelas.

Uma autoridade do governo em Atenas disse que a Comissão Europeia ainda não respondeu oficialmente à proposta grega sobre reformas orçamentárias e à questão da forte dívida do país.

"O governo grego entregou sua proposta às instituições, junto com dois documentos suplementares com alternativas específicas sobre o déficit fiscal e a sustentabilidade da dívida grega", disse a autoridade em comunicado.

"Essas propostas foram entregues ao comissário da UE Pierre Moscovici no fim da segunda-feira. Até agora, não houve nenhum comentário ou resposta à representação grega em Bruxelas".

(Reportagem adicional de Matthias Williams e Julien Ponthuse)