June 10, 2015 / 4:50 PM / in 2 years

Engie avalia participar de 13ª rodada da ANP focando gás, diz CEO

2 Min, DE LEITURA

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A elétrica Engie Brasil (ex-GDF Suez) avalia participar da 13ª Rodada de licitação de áreas exploratórias da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP), com foco em arrematar áreas para a exploração de gás natural, disse nesta quarta-feira o presidente-executivo da companhia, Maurício Bähr.

Ele afirmou ainda que empresa deve buscar parceiros para participar da concorrência.

"Estamos estudando e avaliando. Acreditamos que o gás é importante para a matriz a partir da geração térmica", disse ele a jornalistas, após evento no Rio de Janeiro.

A empresa já tem participação em blocos no Recôncavo e Parnaíba.

"Nosso foco é gás... se entrarmos no leilão, seria em parceria. Esse é um campo que queremos crescer", adicionou.

O uso do gás para geração de energia poderia agregar valor aos ativos do grupo.

Eletricidade

Sobre o leilão de energia A-3, previsto para segundo semestre, Bähr declarou que, se o grupo decidir participar do certame, será com projetos de menor porte.

"Não estou dizendo que a gente está fora, mas a gente pode entrar com projetos eólicos e coisas já em andamento. Nada de grande porte", frisou.

Ele informou ainda que a usina hidrelétrica de Jirau, no Norte do país, já está operando com 33 máquinas e deve atingir produção máxima com as 50 turbinas em meados de 2016.

A Engie Brasil é sócia majoritária em Jirau.

Reportagem de Rodrigo Viga Gaier

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below