Contrapropostas da Grécia vão se focar em questões fiscais, diz autoridade do governo

sexta-feira, 12 de junho de 2015 13:55 BRT
 

ATENAS (Reuters) - As contrapropostas da Grécia aos credores internacionais do país em um acordo que libere recursos a Atenas em troca de reformas econômicas vão se focar em questões orçamentárias e o país espera que um acordo possa ser selado até 18 de junho, disse uma autoridade do governo nesta sexta-feira.

Solicitando anonimato, a autoridade disse que o governo recusou-se a elevar o imposto sobre valor agregado para eletricidade, como demandado pela União Europeia e pelo Fundo Monetário Internacional (FMI).

A fonte também negou relatos de que o cenário de a Grécia deixar a zona do euro esteja sendo discutido na UE.