Wall St cai por apreensão com crise na Grécia

sexta-feira, 12 de junho de 2015 17:54 BRT
 

Por Caroline Valetkevitch

NOVA YORK (Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos fecharam em queda nesta sexta-feira conforme as conversas sobre a dívida grega atingiram um impasse e as preocupações sobre quando o Federal Reserve pode elevar a taxa de juros mantiveram os investidores cautelosos.

O índice Dow Jones caiu 0,78 por cento, a 17.898 pontos, enquanto o S&P 500 teve perda de 0,7 por cento, a 2.094 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq caiu 0,62 por cento, a 5.051 pontos.

Na semana, o Dow Jones subiu 0,3 por cento, o S&P 500 ficou praticamente estável e o Nasdaq caiu 0,3 por cento.

Dados fortes sobre a confiança do consumidor e outros indicadores fortaleceram a tese de que a economia pode estar retomando o fôlego, o que aumentou a ansiedade dos investidores antes da reunião da próxima semana do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do Federal Reserve.

As negociações sobre a dívida da Grécia também ocuparam os holofotes. Um dia após o Fundo Monetário Internacional (FMI) abandonar as discussões, autoridades da União Europeia disseram que tiveram suas primeiras conversas formais sobre a possibilidade de um default grego.

"É a situação grega novamente e isso tem se desenvolvido em uma base diária. Há um imenso rali, seguido por um declínio, dependendo se eles estão se aproximando ou se afastando de uma solução para a situação", disse o estrategista-chefe de investimentos do Janney Montgomery Scott, Mark Luschini.