Maioria dos gregos vê Atenas fazendo concessões por resgate, mostra pesquisa

segunda-feira, 15 de junho de 2015 18:35 BRT
 

ATENAS (Reuters) - A maioria dos gregos acredita que o governo esquerdista do país terá de recuar de seu impasse com credores internacionais e fazer as concessões necessárias para selar um acordo, mostrou uma pesquisa nesta segunda-feira.

Em pesquisa realizada pelo instituto GPO para a Mega TV, 67,8 por cento dos entrevistados disseram esperar que a maior parte das concessões seja feita por Atenas. Apenas 19,4 por cento acreditavam que os credores, incluindo a União Europeia, o Banco Central Europeu e o Fundo Monetário Internacional, cederiam mais para chegar a um acordo e destravar o restante da ajuda financeira.

A Grécia e seus credores endureceram suas posições nesta segunda-feira depois do fracasso nas conversas que visavam evitar um default e a possível saída do euro, levando o comissário da Alemanha para a UE a dizer que chegou o momento de se preparar para um "estado de emergência".

A pesquisa mostrou que 56,3 por cento dos gregos culpam os credores pelo colapso das conversas ao longo dos últimos quatro meses, enquanto 37,4 por cento disseram que a postura do governo grego era a responsável.

(Por George Georgiopoulos)

 
Bandeira grega no topo da Acrópolis em Atenas 14/6/2015   REUTERS/Kostas Tsironis