BC britânico alerta para riscos de reflexos de altas globais de juros

quarta-feira, 17 de junho de 2015 08:00 BRT
 

LONDRES (Reuters) - Autoridades do banco central britânico alertaram neste mês que a Grã-Bretanha pode ser afetada quando outros países começarem a elevar a taxa de juros, mas que o cenário para os juros britânicos depende da inflação doméstica.

A ata da reunião do Comitê de Política Monetária do Banco da Inglaterra encerrada em 3 de junho mostrou, nesta quarta-feira, que todos os nove membros votaram pela manutenção da taxa de juros em 0,5 por cento, embora, como em meses anteriores, dois membros tenham descritos Sua decisão como "finamente equilibrada".

Os membros do comitê destacaram que os obstáculos ao crescimento global começaram a diminuir, o que significa que alguns países devem começar a normalizar a política monetária. Muitos economista projetam que os Estados Unidos vão elevar a taxa de juros ainda neste ano.

"Essas políticas podem ter reflexos internacionais", trouxe a ata.

"Entretanto, o Comitê concordou que a trajetória para a política monetária do Reino Unido vai depender das perspectivas para a inflação no Reino Unido e não será determinada pelas ações de outros bancos centrais."

(Reportagem de Andy Bruce e David Milliken)